fbpx
AL CentralAmerican LeagueChicago White SoxCleveland IndiansDetroit TigersKansas City RoyalsMinnesota TwinsMLB

AL CENTRAL: O QUE ESPERAR DO SPRING TRAINING

A basebola voltou a voar, amigos! E com isso voltaram também os nossos textos do MLB da Massa. Esta coluna semanal focará nos times da divisão Central da Liga Americana (AL): Chicago White Sox, Cleveland Indians, Detroit Tigers, Kansas City Royals e Minnesota Twins.

Apesar do começo da pré-temporada da MLB, conhecida como Spring Training, muitos free agents ainda estão disponíveis (inclusive um certo Bryce Harper). Com isso, fica difícil a análise dos elencos para a temporada regular por enquanto. Enquanto esperamos essas definições, vamos dar uma olhada no que cada time espera desse primeiro mês de baseball.

Kansas City Royals (3-2)

O Kansas City Royals é mais um time da divisão que está apostando no “rebuild”. Depois de completamente desfazer o time que ganhou a World Series em 2015, os Royals agora têm uma boa coleção de garotos, alguns que talvez já ganhem oportunidades nas ligas maiores neste ano mesmo.

Apesar disso, os Royals não trouxeram todos os seus prospects para o Spring Training. Alguns dos prospects mais novos e adquiridos recentemente, como Brady Singer, acabaram ficando de fora do elenco da pré-temporada. Com isso, a atenção se volta para jogadores como Nicky Lopez, Nick Pratto, Adalberto Mondesi, Hunter Dozier e Ryan O’Hearn. Kyle Zimmer, que já chegou a ser um dos top propects da liga, também está no elenco, e vale a pena acompanhar se ele consegue se manter saudável depois de muitas lesões.

Royals traz vários talentos jovens ao Spring Training. Foto: Mike McGinnis/Getty Images

Minnesota Twins (3-2)

Os Twins tiveram uma offseason mineirinha. Sem fazer muito estardalhaço, o clube fez várias contratações para melhorar o elenco, a última dela sendo Marwin Gonzalez, na semana passada. O time de Minnesota parece ser o mais bem posicionado para impedir um quarto título seguido da divisão dos Indians.

Neste Spring Training, além de monitorar como as novas adesões se saem, caso de Nelson Cruz, Jonathan Schoop e Marwin Gonzalez, vale a pena acompanhar também como Miguel Sano e Byron Buxton começam o ano depois de um 2018 abaixo do esperado. Falando nisso, por sinal, Buxton já começou a pré-temporada com tudo. Em dois jogos até agora, Buxton está com um batting average de 1.000, com 5 rebatidas em 5 oportunidades, além de 2 HR e incríveis 10 RBIs!

Byron Buxton, estrela do começo de ST dos Twins. Foto:
Anthony Souffle/MN Star Tribune

Detroit Tigers (2-2)

Os Tigers são outro time que entra nesta pré-temporada olhando mais para o futuro do que para o presente. Com muitos prospects em estado inicial, os Tigers chamaram vários deles para o Spring Training, a fim de que ganhem mais experiência. Muitos deles não estão no 40-man roster e muito provavelmente não farão sua estreia na MLB neste ano, então a oportunidade de enfrentar jogadores das ligas maiores fica ainda mais valiosa. Entre eles, alguns nomes que vale a pena acompanhar são: Daz Cameron, Kyle Funkhouser, e principalmente Casey Mize. Mize é o 17º prospect na lista da MLB e já está sendo comparado a Max Scherzer.

Outra notícia importante vinda de Detroit é a recuperação de Miguel Cabrera, que perdeu quase toda a última temporada depois de passar por uma cirurgia no bíceps. O Spring Training será importante para ver como o jogador está.

Daz Cameron, jovem talento dos Tigers. Foto: Reinhold Matay/USA Today Sports

Cleveland Indians (1-2)

Talvez a maior história na offseason dos Indians tenha sido como o time não trocou nem Trevor Bauer nem Corey Kluber. Os dois foram muito especulados em trocas, já que a diretoria está tentando reduzir a folha salarial, mas acabaram ficando em Cleveland. Para o público brasileiro, uma grande diferença no elenco dos Indians para 2019 vai ser a falta de Yan Gomes. O catcher brasileiro foi trocado e agora é jogador dos Washington Nationals.

Vindo de três títulos seguidos de divisão, o clube resolveu não mudar muito o elenco. A principal notícia a se observar nessa pré-temporada é a lesão de Francisco Lindor, um dos principais nomes do time. O shortstop está com um estiramento na panturrilha esquerda e pode chegar a perder o primeiro mês inteiro da temporada regular.

Corey Kluber continua nos Indians. Foto: Ross D. Franklin/Associated Press

Chicago White Sox (1-3)

Sem dúvida, o principal assunto no “camp” dos White Sox até agora foi a perda da disputa por Manny Machado. Os Sox eram vistos desde o final do ano passado como grande favoritos para contratar o jogador, mas não conseguiram fechar o negócio. Agora, existem boatos de que o time talvez esteja tentando fechar contrato com Bryce Harper, mas são apenas especulações até este ponto.

De resto, o clube ainda acredita fortemente no “rebuild”. As promessas Eloy Jimenez, Dylan Cease e Luis Robert, entre outras, devem ganhar os holofotes durante o Spring Training. Apesar de não significar muito, é válido observar como esses jovens jogadores se saem enfrentando outros jogadores de ligas maiores. Yoan Moncada e Lucas Giolito, que tiveram campanhas ruins ano passado, também ganham atenção nessa pré-temporada dos Sox.

Yoan Moncada busca se recuperar de um 2018 decepcionante. Foto: Jennifer Stewart/Getty Images

#MLBdaMassa #TribeSpring #RoyalST #MNTwinsST #SoxSpringTraining #TigersST

Tags
Mostre mais

Fernando Borges

Original do Rio de Janeiro, morando em Chicago. Fanatico pelos esportes americanos. Trazendo semanalmente todas as noticias da AL Central da MLB.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close