fbpx
Seattle Seahawks

COLTS 19 @ 17 SEAHAWKS – ANÁLISE E COMENTÁRIOS

Salve 12s, como vocês estão? Como amanhã teremos a segunda partida da pré temporada, vou comentar brevemente as primeiras impressões da partida de quinta passada, contra os Colts. A semana foi meio corrida, por isso apenas agora consegui ter tempo para comentar mais sobre o que eu achei dos novatos e reservas do Seahawks na abertura da temporada 2018. Não vou avaliar cada campanha ou o resultado, por hora isso não é necessário, até porque pré temporada o que importa é o desempenho de cada atleta e o que podemos esperar para a temporada regular.

GERAL

Ao todo, eu achei a equipe do Seahawks mediana. Os titulares jogaram apenas a primeira campanha, após isso vimos os reservas em ação. Pelo menos os titulares se apresentaram muito bem, inclusive marcando touchdown na primeira campanha na partida. Quanto aos reservas, tivemos momentos de altos e baixos. Contudo, podemos retirar alguns aspectos positivos, e aquele sentimento de receio para essa estreia foi quebrado. Acredito que mesmo após o desmanche na offseason, foi uma aparição até que acima da expectativa.

ATAQUE

Chris Carson voltou a atuar em boa forma e mostrando que quer ser titular na temporada (12th Man Rising)

Eu particularmente gostei da atuação do ataque. Russell Wilson mostrou que está com a mesma sede de vitória. Uma coisa que me animou foi a atuação da linha ofensiva titular. Tudo bem que foi apenas uma campanha, e com todo respeito aos Colts, mas o pass rusher deles não é dos mais temidos da liga, entretanto vimos o Wilson com mais tempo no pocket para pensar nas jogadas. Quanto ao time de recebedores, gostei da movimentação e do rodízio feito, tivemos alguns nomes que animaram, como o David Moore, que conseguiu 35 jardas em 2 recepções, sendo uma delas de 28 jardas e Nick Vannett, que apareceu muito bem e conseguiu 2 recepções para 20 jardas e o touchdown marcado. Quanto aos running backs, o destaque não só entre eles, mas como do ataque em geral, foi o Chris Carson. O jogador realizou uma ótima pré temporada ano passado e vinha muito bem, porém acabou se lesionando na semana 4, ficando de fora do resto da temporada. Contudo, Carson mostrou que voltou com pique para ser titular do ataque. No jogo, ele realizou 4 corridas para 26 jardas, sendo sua maior corrida para 12 jardas. Quanto ao Rashaad Penny, seu debute no Seahawks foi mais discreto, ao menos nesse começo não vejo Penny roubando a titularidade do Carson, mas que possamos aguardar que ele mostre melhoras nas próximas 3 semanas.

Quanto aos reservas, tivemos aparições bem fracas de Austin Davis e Alex McGough. Ainda que Davis começou realizando uma boa campanha, porém, no momento em que era para concluir o touchdown, realizou um passe ruim, terminando em interceptação. A linha ofensiva deu medo de ver jogando, se tornando o ponto baixo do ataque na partida. A OL titular até deixou o torcedor suspirar um pouco, mas no jogo mostrou que caso ocorra alguma lesão mais grave com algum titular, os reservas não passam confiança. Após o touchdown, o sistema de criação do Seahawks foi bem fraco, não tendo mais nenhum outro lance de destaque.

DEFESA

Rasheem Green foi o grande destaque da DL na última quinta-feira (Stephen Brashear / The Intelligencer)

Quanto a defesa, achei a atuação bem mediana. Como ponte forte gostaria de destacar dois nomes que deram pra animar o 12° jogador: Rasheem Green e Shaquem Griffin. Ambos draftados esse ano, Green e Griffin superaram a expectativa do torcedor azul e verde. Rasheem Green se mostrou um DL bem ligeiro e inconveniente a linha ofensiva adversária, conseguindo 2 sacks em sua estreia. Enquanto o Shaquem Griffin, todos os torcedores esperavam por sua estreia, e gostaram de sua vontade no jogo. Em 9 snaps ele participou de todos, conseguindo um tackle. Enquanto isso, destaco como ponto baixo da defesa a secundária. Honestamente, não gostei da aparição dos cornerbacks e safeties, principalmente no 2° tempo. Houve muita desatenção por parte dos CBs, o que permitiram a campanha crucial para o touchdown da vitória dos Colts.

Do mais, essas foram as primeiras impressões que tive com esse Seahawks, que vem bem diferente dos últimos anos. Nesse sábado (18), às 23 horas, teremos a partida contra os Chargers, em Los Angeles, e vamos aguardar para ver o que nos espera.

Tags
Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Chegar

Close
Close