fbpx
Montreal Canadiens

UMA MONTANHA RUSSA QUE SEGUE NOS PLAYOFFS

Kotkaniemi segue mostrando porque foi escolha de número 3 do draft (Reprodução/Twitter.com/CanadiensMTL)

Let’s go HabsNation! Fevereiro acabou e com isso falta aproximadamente um mês e uma semana para os playoffs da NHL, nessa duas últimas semanas tivemos derrotas dolorosas e vitórias importantes. Nada mudou em questão de classificação e seguimos rumando aos playoffs, vamos falar como foi nossa segunda metade do mês de fevereiro.

Nashville Predators 3×1 Montréal Canadiens

Após uma derrota para Toronto, fomos para a estrada e não foi muito bom. Tomas Tatar deixou o gol solitário dele e nada mais. Nashville encerrou uma sequência de três derrotas seguidas e não deu para fazer muita coisa não. Destaque também para Jordie Benn que teve sua décima assistência na temporada.

Tampa Bay Lightning 3×0 Montréal Canadiens

Enfrentando o melhor time da liga e até fizemos jogo durante dois períodos. Após esse tempo, Tampa aproveitou a penalidade que teve e abriu o placar, após esse gol o time meio que sentiu e ainda sofreu mais dois. Noite para se esquecer em que não conseguimos marcar nenhum gol.

Flórida Panthers 6×3 Montréal Canadiens

No segundo jogo do nosso back to back, nada deu certo. Após estar perdendo por 2-0, Domi descontou o placar e logo após Vatrano ampliou o placar para o time da casa. Gallagher e Domi (novamente) buscaram o empate. Porém, Barkov mostrou porque é um dos melhores da liga e fez mais dois gols completando um hat trick para cima da gente, além de um golaço. Nossa road trip foi um desastre.

Montréal Canadiens 3×2 Columbus Blue Jackets

Nada melhor para a moral que voltar para casa, não é? Pois bem, enfrentamos o time dos Blue Jackets pela segunda vez na temporada e a vitória veio. Max Domi e Paul Byron (de volta ao time), colocaram a gente em vantagem, já no primeiro período. Anderson e Foligno empatariam para Columbus. Porém ninguém iria esperar que Jordie Benn faria grande jogada e Tomas Tatar guardaria o terceiro para a vitória de Montréal.

Mesmo não atuando muito bem nas últimas partidas, Weber tem mostrado uma grande liderança (Reprodução: Twitter.com/CanadiensMTL)

Montréal Canadiens 5×1 Philadelphia Flyers

Se ganhar em casa é bom, golear é ainda melhor, não é? Com direito ao primeiro hat trick da carreira de Brendan Gallagher, Montréal passou por cima de Philadelphia. Kotkaniemi deixou o seu também, o de número onze. Com os três gols, Gallagher atingiu a marca de 26 gols na temporada nessa partida. Tatar também deixou o dele. Uma vitória importante, dada nossa sequência de três derrotas seguidas na estrada.

Toronto Maple Leafs 6×3 Montréal Canadiens

Após duas vitórias em casa, voltamos para a estrada e o resultado final, foi péssimo, dado a maneira como o jogo iniciou-se. Abrimos três a zero já no primeiro período e estávamos amassando Toronto, fizemos até gol em power play. No segundo período tivemos uma combinação de baixada de ritmo mais arbitragem contestável e eles diminuíram a diferença para um gol. O último período foi fatal. Derrota dolorida.

New Jersey Devils 2×1 Montréal Canadiens

Nem sempre dá para piorar, não é? Dá sim. Amargando a quinta derrota fora de casa seguida, perdemos para um “amontoado” de jogadores da AHL mais Agostino, Palmieri e companhia. Byron ainda marcou um short handed goal, Schneider, goleiro de New Jersey acabou o jogo com 34 defesas.

Andrew Shaw marcou seu primeiro hat trick da carreira, na noite de ontem (Reprodução: Twitter.com/CanadiensMTL)

Detroit Red Wings 1×8 Montréal Canadiens

E o jejum acabou, após cinco derrotas seguidas fora de casa, voltamos ao gelo em um back to back na noite de ontem e massacramos Detroit, teve hat trick do Shaw, Max Domi marcando 5 pontos, Drouin distribuindo assistências, Kotkaniemi pontuando e Armia voltando a marcar. Coroando isso tudo, ainda tivemos Tatar e Gallagher marcando, além de Jordie Benn conseguindo dois pontos. Excelente vitória para levantar a moral para a sequência final da temporada. Montréal volta para o gelo na sexta, contra o Rangers.

Notícias da semana

  • No último dia de trocas, Bergevin fez uma última. Jordan Weal, por Michael Chaput. Nada tão relevante. Mas foi isso.
  • Bergevin, disse que estava nas negociações por Matt Duchene que acabou indo para Columbus, mas que não abriria mão do futuro do time, ou faria qualquer loucura. E que todas que o procuravam, queriam nomes como Kotkaniemi e Poehling.

https://www.nhl.com/canadiens/news/marc-bergevin—bell-centre—january-7/c-303659314

Tags
Mostre mais

Augusto Edinger

Apaixonado por todo tipo de esportes, universitário e escritor nos tempos livres. Também tenho teorias cada dia mais bizarras! Colunista de MLB & NHL.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close